Perguntas Frequentes

Acesso à ADSE Direta

Como pedir a senha de acesso à "ADSE Direta" da ADSE?

Para efeitos de autenticação, é usado o sistema de acesso ao Portal das Finanças, sendo utilizado o número de contribuinte (NIF ou NIPC), juntamente com a respetiva senha de acesso da Autoridade Tributária e Aduaneira.
Se ainda não estiver registado no sistema de declarações eletrónicas, poderá fazê-lo em:
http://www.portaldasfinancas.gov.pt

Perdeu a senha de acesso?

Se não se recorda da senha, e ao aceder à opção “Recuperar Senha” no Portal das Finanças (nas Declarações Eletrónicas) não sabe a resposta à pergunta mostrada, deve explicar a situação para o e-mail de apoio da Autoridade Tributária e Aduaneira (mencionando o número de contribuinte).

Quem atribui as senhas de acesso?

As senhas de acesso são atribuídas pela Autoridade Tributária e Aduaneira mediante registo efetuado em:
http://www.portaldasfinancas.gov.pt/pt/adsesaoForm.action

Como é que recebo a senha de acesso e quando?

Por razões de segurança, a senha de acesso é enviada pelo correio para a morada fiscal registada na Autoridade Tributária e Aduaneira. A carta demora, pelo menos, 5 dias úteis a ser entregue.
Antes de solicitar a senha, deve verificar se a morada fiscal está devidamente atualizada.

Como atribuir permissões de acesso diferentes a utilizadores diferentes?

As entidades, através do NIF “principal” e da senha “principal”, podem estabelecer os níveis de acesso e as permissões dos diversos sub-utilizadores em www.adse.pt/ar através da opção “Permitir acesso a sub-utilizadores”.

O que são sub-utilizadores? Para que servem?

Uma entidade coletiva pode ter vários acessos (denominados sub-utilizadores) ao Sistema de Declarações Eletrónicas da Autoridade Tributária e Aduaneira para utilização de pessoas distintas, para diferentes finalidades.

Como criar sub-utilizadores?

A criação de sub-utilizadores é feita em www.portaldasfinancas.gov.pt através do NIPC “principal” e da senha “principal” (ver opção “Gestão de utilizadores”).

Voltar